:

"Chega a meu conhecimento que um dos camponeses assassinados na Araupel morreu com tiro nas costas. EXECUÇÃO", denunciou o senador Roberto Requião (PMDB-PR), por meio das redes sociais

8 de Abril de 2016 às 12:58

do 247 

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) usou as redes sociais para denunciar que a morte de dois sem-terra ontem no Paraná não ocorreu por confronto – e não em conflito, como informou o governo paranaense.

"Chega a meu conhecimento que um dos camponeses assassinados na Araupel morreu com tiro nas costas. EXECUÇÃO", disse Requião, no Twitter.

O senador também protestou contra o governador Beto Richa, do PSDB. "Desde o Panama acompanho a estupidez e tola agressividade do governo do Paraná na Araupel. Governador calado e escondido".

Postar um comentário

  1. Quem não conhece esse governo,e do que é capaz, compra.

    ResponderExcluir
  2. O governo e sua PM se fazendo de vítima, e a mídia ajudando...

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Os verdadeiros assassinos, sao os lideres desses movimentos que sao patrocinados pelo PT. Na verdade essa gente dos sem terras sao um bando de miseraveis, gente humilde, sem nenhum grau de instruçao...e infelizmente os lideres do movimento, sao pessoas manipuladoras e usam esse povo para o trabalho sujo..O resultado é esse ai, MORTES, como ja aconteceu varias vezes na nossa historia... A alguns dias atras a Dilma falou, '' EM QUALQUER PAIS, QUE ALGUEM GRAMPEAR O TELEFONE DO PRESIDENTE VAI PRESO'', POIS É... EM QUALQUER PAIS QUE UM GRUPO DE BANDIDOS INVADIREM UMA PROPRIEDADE PARTICULAR, ARMADOS...LEVA TIRO...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Propriedade particular,? Cadê os documentos que comprovam que essa terra e realmente da Araupel, se fosse deles mesmo não teria perdido em duas estâncias na justiça, que a terra pertence a união sendo assim sem dono, acontece que quando alguém rico com poder econômico toma possa de algo sem documentos, no caso deles é legal, mas se um miserável faz a mesma coisa aí não aí é crime, tem que ir pra cadeia, tem que morrer, infelizmente esses são os seres humanos que temos que conviver juntos! E lamentável essa situação!

      Excluir

Bate-Papo vermelhô

Compartilhe

 
Top