Dia 13 tem espetáculo? Tem, sim, senhor!

Por Bolchê

_ Quem vai ao espetáculo contra a corrupção?

_ Vai o Aécio Neves, senhor!

_ Mas não é ele que diz que é a favor da meritocracia, mas, além de receber pelo gabinete do pai, em Brasília, quando morava no Leblon, de 1980 a 1983, não deixou de empregar parentes quando governou Minas? Dizem que a lista é longa.
Aquele que que foi derrotado duas vezes no estado em que governou? Que desviou bilhões da saúde? Aquele que usava os meios de comunicação da família pra desviar mais verba pública? O mesmo que construiu um aeroPÓrto na fazenda do tio com o dinheiro do povo mineiro?

_ Sim, senhor, esse mesmo.

_ Tem certeza de que ele vai ao espetáculo contra a corrupção e pelo impeachment da presidenta Dilma?

_ Tenho, sim, senhor!

_ Uai, mas não é ele o senador mais faltoso e improdutivo do Congresso Nacional? Não é o político mais citado por delatores no espetác, digo, na "Operação Lava Jato? Não é ele que ficava com 1/3 das propinas de Furnas? E não é ele também que ficou conhecido como o mais chato cobrador de propina? O espetáculo é mesmo contra a corrupção? Tem certeza?

_ É sim, senhor! Tenho certeza.

_ Bem, não tô entendendo muito bem, mas segue o bonde! Quem mais vai ao espetáculo contra a corrupção e pelo impeachment da presidenta Dilma?

_ Vai também o Paulinho da "Forca", senhor!

_ Forca ou Força?

_ Era Força, senhor, mas agora é Forca mesmo.

_ Tem certeza de que Paulinho da Forca vai na manifestação contra a corrupção que pede o impeachment da Presidenta Dilma?

_ Tenho sim, senhor!

_ Péra lá, mas não é esse Paulinho que acabou de formar uma dupla de réus no STF com seu grande parceiro Eduardo Cunha?

_ É o próprio, senhor!

_ Mas, afinal, como é isso? Estou confuso! Não é esse Paulinho que participou do esquema de desvio de recursos do BNDES? E não é também esse mesmo Paulinho que é investigado por irregularidades em um projeto de assentamento de 72 famílias de trabalhadores rurais em Piraju (SP), iniciado em 2000 – as obras do projeto foram superfaturadas? Se não estou enganado, ele, a sogra e outras duas pessoas foram acusados também de falsificar assinaturas para a criação do partido Solidariedade. Quanta Solidariedade consigo mesmo, não é?

_ Sim, senhor, é esse Paulinho mesmo, e ele é, realmente, muito solidário e muito generoso consigo mesmo.

_ Mas você tem certeza mesmo de que essas pessoas vão fazer protestos contra a corrupção e a presidenta Dilma?

_ Tenho sim, senhor!

_ Quem mais vai ao espetáculo de domingo? Lalau e Maluf vão também?

_ Não sei se Maluf e Lalau irão, senhor, mas as presenças dos senadores José Agripino, Ronaldo Caiado e do governador Geraldo Alckmin estão confirmadas, senhor!

_ O quê? Filho, me desculpe, mas você deve estar cometendo algum engano com relação ao espetáculo de domingo. Esse evento não pode ser contra a corrupção e a favor do impeachment da presidenta Dilma. segundo Demóstenes Torres, o senador e um dos líderes do DEM, Ronaldo Caiado, recebeu dinheiro do mafioso Carlinhos Cachoeira nas suas campanhas eleitorais e curtia suas férias as custas da construtora OAS. E Agripino foi citado em delação premiada feita por George Olímpio, empresário do Rio Grande do Norte, acusado de cobrar propina de R$1 milhão para permitir um esquema de corrupção no serviço de inspeção veicular do estado?


_ Sim, senhor! O STF aceitou abrir um inquérito contra o presidente nacional do DEM, José Agripino Maia. O processo corre em segredo de justiça.

E o Alckmin? Só poder ser uma brincadeira de mau gosto. Alckmin certamente vai, com aquela cara cínica, protestar contra a corrupção em seu estado que é governado por seu partido há mais de 20 anos, não é isso?

_ Não creio, senhor! Alckmin deve ir com a mesma finalidade dos demais.

_ Será que vão filmar o Chuchu na paulista? O PSDB quer monopolizar até a corrupção, não é? Sim, porque Alckmin, a exemplo dos outros que vão ao espetáculo, não tem a mínima condição moral de participar de uma manifestação contra a corrupção, menos ainda de pedir o impeachment da presidenta Dilma. Não depois de estar envolvido direta ou indiretamente em vários casos de desvio de verbas nos governos tucanos e, agora, no seu também.

Ele pensa que as pessoas já esqueceram do cartel do metrô? Da seca que seu governo provocou em São Paulo por incompetência, ingerência e corrupção na SABESP? Se ele já se esqueceu da truculência de sua polícia contra professores e alunos quando estes ocuparam escolas em São Paulo para evitar que fossem fechadas, o povo não esqueceu, não. E a máfia da merenda que envolve assessores de dentro do palácio? Isso parece mais o roteiro de uma comédia pastelão. Mas não tem graça nenhuma. 

_ Verdade, senhor! É realmente algo impressionante, que só vamos acreditar porque vamos ver e ouvir. 


_ Sim, sim. Mas estou começando a entender. Me satisfaça mais uma curiosidade, filho!

_ Pois não, senhor!

_ E o Cunha, também vai estar presente nessas manifestações anticorrupção pedindo a cabeça da presidenta Dilma?

_ Sei não, senhor. Mas pelo elenco de "artistas" que já confirmaram presença, não seria de se estranhar que Cunha estivesse na linha de frente com sua digníssima esposa e filha carregando faixas contra a corrupção e pedindo a cabeça da presidenta mais honesta da história desse país.

_ Sim. Você tem razão. E as mulheres nuas, também confirmaram presença? E aquela turma que quer muito uma intervenção militar constitucional, vai também?

_ Com certeza, senhor" Tanto as peladonas quanto as viúvas da ditadura são algumas das principais atrações do espetáculo.

_ Eu poderia dizer que se trata de um espetáculo surreal, mas poderia parecer elogio ou ficar com o sentido dúbio. Porque o que esse espetáculo é mesmo é IMORAL. VEXAMINOSO. DEPLORÁVEL. É um deboche com a cara do brasileiro, uma afronta à nossa decência, ao nosso bom senso, à nossa inteligência e uma estrondosa bofetada em nossas faces já vermelhas de vergonha do Brasil que esses privateiros lesa-pátria, imorais e hipócritas vão pedir nas ruas.

Na verdade, é o Brasil que eles merecem, apenas eles, mas não a maioria da nação, que sabe e conhece essa corja de ladrões que vão gritar contra a corrupção e pedir o impeachment da presidenta Dilma, contra a qual não existe, sequer, uma denúncia e nenhuma investigação.


Eu sinto vergonha desse Brasil do espetáculo. Sinto vergonha do Brasil da Globo. Sinto vergonha do Brasil do Moro. Sinto vergonha do Brasil cujos líderes dos partidos mais corruptos do país convocam a população para protestar contra a corrupção e pelo impeachment da presidenta Dilma, presidenta que tem sofrido todas as formas de ataques possíveis daqueles que prometeram que a faria sangrar, mas sangram junto o país e o povo, pois só fazem agravar a crise e gerar insegurança e medo na população com o propósito único e mesquinho de derrubar um governo legítimo, eleito democraticamente pela vontade soberana do povo brasileiro.

_ O Sr. está coberto de razão, senhor!

Ranking da corrupção por partido e número de políticos cassados. Por que "Fora PT?"  

Fonte: TSE

Desligue a Globo! Diga NÃO ao golpe e ajude a acabar com os maiores problemas do Brasil!!!

Conheça os 10 maiores escândalos de corrupção da história do Brasil. Cadê tão conhecido "mensalão" do PT? Pra você que foi na conversa da Rede Globo, da Veja e da oposição e acreditou que o mensalão do PT - que nem foi com dinheiro público - foi o maior caso de corrupção do Brasil, sinto muito por sua ingenuidade e ignorância.

Postar um comentário

  1. E o que o Moro tem a ver com isso? O cara ta prendendo um monte de culpado de corrupção. Por acaso era pra deixar solto? Menos partidarismo senhor autor, mais consciência pelo Brasil.

    ResponderExcluir

Bate-Papo vermelhô

Compartilhe

 
Top