Foto de Marli Castanheira.

Marli Castanheira com Maria Martins e outras 49 pessoas.



#‎LulaEuConfio‬

NOTA À IMPRENSA DA BANCADA DO PT NO SENADO

"As senadoras e senadores da bancada do PT vêm a público manifestar total solidariedade ao ex-presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, alvo de nova onda de ataques de setores da grande imprensa.
O ex-presidente Lula tem manifestado seguidas vezes que não teme qualquer investigação. Nada teme, porque nada deve.No entanto, seu nome vem sendo insistentemente vinculado como possível beneficiário de desvios hipotéticos que teriam sido cometidos até antes mesmo de sua primeira posse como presidente da República.
 

A bancada do PT no Senado também manifesta sua inconformidade com a perversa agenda policial que foi introduzida no cotidiano dos brasileiros, gerando um ambiente de culpabilização sem a apresentação de provas, que atinge várias forças políticas do País.
 

Essa mesma pauta policial tem impedido o Brasil de enxergar seus reais problemas – e encontrar soluções, dentro do ambiente democrático, para superá-los.
 

Os ataques contra o ex-presidente Lula têm um único propósito: dilapidar seu patrimônio político e minar a confiança nele depositada por dezenas de milhões de brasileiros.Lula foi o chefe da nação que teve a coragem para enfrentar – e vencer – injustiças estruturais históricas, entre as quais a miséria e a fome.
 

Também foi o presidente da República que mais valorizou, investiu e fortaleceu os órgãos de controle e fiscalização, respeitando as decisões do Ministério Público, para que todos desempenhassem plenamente sua missão institucional como nunca havia ocorrido antes na história do Brasil.
 

A agenda monotemática que pretende instalar um estado policial no Brasil é, portanto, uma ameaça real à nossa jovem democracia.
 

As senadoras e senadores do PT não se curvarão a essas forças obscuras e seus interesses inconfessáveis, e assumem o compromisso de não só enfrentar, mas também mobilizar as lideranças políticas e sociais para impedir qualquer retrocesso dos avanços conquistados nos últimos 13 anos."

Postar um comentário

Bate-Papo vermelhô

Compartilhe

 
Top